sábado, 8 de março de 2014

Mulher de Cabeça Feita

Por Meriam Lazaro
 
 


Mulheres são corajosas. Depilam pernas, virilha, axila, buço. Fazem arqueadas as sobrancelhas retas, retilíneas as sobrancelhas curvas. Aloiram os pelos ao sol, tostando de um lado e de outro a pele. Pintam os cabelos de verde (ainda que digam que é loiro-mate), vermelho, laranja e todas as outras cores que as embalagens apontam como a cor da moda. Depois que inventaram a tal chapinha então... No salão de beleza entra a Medusa e sai do outro lado a Mona Lisíssima.

Mulheres correm risco demais em razão da estética dos pelos, porém quase todas tem receio de uma coisa! Lembrei-me disto ao andar pelo centro de Porto Alegre nesta sexta-feira e receber várias propostas para vender meu cabelo, tirar só volume sem perder o comprimento ou, o que me faria mais rica, vender todo ele. Mulheres temem fazer um corte de cabelo radical, diferente daquele que se usa costumeiramente. Mas cabelo não cresce? Certamente que sim. Para algumas cresce mais rapidamente que para outras. Sabedores deste pânico alguns cabeleireiros usam um pequeno adesivo em seus espelhos: “Cabelo cresce!”.

Cansada de usar o tradicional rabo-de-cavalo, em razão do calor, pedi ao meu cabeleireiro um corte em camadas na altura dos ombros. Pelo sim pelo não fechei os olhos e esperei a transformação radical. Qual nada! Quando me vi no espelho, mostrado por outro espelho às costas, meu cabelo estava cortado apenas quatro dedinhos, quando poderia ter sido cortado um palmo. Ele me garantiu que se eu não gostasse daquele comprimento poderia fazer outro corte e o melhor, grátis! De cabeça feita, pontas encaracoladas no meio das costas, disse-lhe que em breve voltaria para um corte bem curtinho. No próximo verão.
 

4 comentários :

  1. Pois é," NÓS SOFRE, MAS NÓS FICA BONITA" hahahaha, muito bom o seu texto, beijo de zélia

    ResponderExcluir
  2. Adorei este texto, Meriam. Mas sou das que usam cabelo curtinho, daqueles que exigem um corte a cada 3 semanas!

    ResponderExcluir
  3. Pois bem, queridas amigas. Já tive tantos cabelos, quantas mulheres já passaram pela vida de Martinho da Vila. Hoje os curto longos, mas já houver curtição deles curtinhos. Grata pela presença aqui no Garagem. Beijo e um dia feliz!

    ResponderExcluir