domingo, 24 de março de 2019

sábado, 23 de março de 2019

Dois amigos

Por Meriam Lazaro




Lindas rosas amarelas
a uma dama, com amor,
entre palavras sinceras
o bom amigo ofertou.


Cobriu-se de primavera
a mão que acariciou.
De gratidão, fez-se bela,
aquela que a flor tocou.

sexta-feira, 22 de março de 2019

Vida

Por Mayanna Velame


Cena de "Crônicas de Nárnia"


Nessa epopeia
de viver,
somos todos
personagens inacabados.

quinta-feira, 21 de março de 2019

Esboços da vida

Por Nana Yamada




No meio das linhas que foram cruzadas
Durante partidas e recomeços,
Tento achar a linha do horizonte
Que me leva para o infinito
Do encontro dos seus abraços
Nesse esboço da vida
Te registro em momentos
Que eu ainda não vivi...

quarta-feira, 20 de março de 2019

De leite

Por Fabio Ramos




VISÃO:


até
um cego
vira


o pescoço


ao
enxergar
a mulher mistério


(...)


AUDIÇÃO:


aquela
voz


em tom


de
sigilo


é como feitiço


em
teus
ouvidos


(...)


TATO:


os
braços


que a seguram


pela
cintura


(...)


OLFATO:


junto
com


esse perfume


que
exala
do atrito


(...)


PALADAR:


e cai
de
boca
no manjar


repetindo a iguaria


até
se
lambuzar

terça-feira, 19 de março de 2019

Futebol

Por Denise Fernandes




suam as camisas

dois times-enigmas

sob a chuva torrencial

preferiam o céu estrelado

a todo esse sal

mas o mistério atrai mais

que o cansaço da carne



trocam as camisas

dois seres rivais

sob a vaia da torcida

quem entenderia o amor

os pés que chutaram lama

ardem do suor nos olhos

essas lágrimas não são tristes.

segunda-feira, 18 de março de 2019

interpretação de sonho ..

Por Ana Paula Perissé




                                          têm dias
                                          que o futuro
                                          sonha o mundo
                                          como o menino
                                          de todas as guerras


                                          e entre o morto
                                          e o ideal
                                          não há face
                                          que desvele mais
                                          do que o simples
                                          existir-mos
                                          .
                                          à procura de sermos


                                          1´sonho
                                          ou a utopia esquecida
                                          é o insuficiente do excesso
                                          em brutal aparição
                                          desconhecida


                                          coxia de zumbis
                                          .
                                          .
                                          açucarados.


                                          Desacordem!

domingo, 17 de março de 2019

Ostracismo

Por Oswaldo Antônio Begiato




Não quero mais
ser visível nos jornais.


Não quero mais
aparecer em colunas sociais.


Não quero mais
meu nome escrito
em letras garrafais.


Quero apenas
me esconder em algum verso
de alguma poesia feminina.