segunda-feira, 25 de março de 2019

rangeria ..ou meio século

Por Ana Paula Perissé




                                        rangiam os incautos
                                        os inocentes
                                        os lunáticos, incansáveis


                                        porque o tempo das coisas
                                        ameaça nossa existência.


                                        e a ação que se dá,
                                        realidade coisa
                                        é pessoal e intransferível.


                                        Ave!


                                        o verbo se faz
                                        sem aventura
                                        .
                                        muita.

domingo, 24 de março de 2019

sábado, 23 de março de 2019

Dois amigos

Por Meriam Lazaro




Lindas rosas amarelas
a uma dama, com amor,
entre palavras sinceras
o bom amigo ofertou.


Cobriu-se de primavera
a mão que acariciou.
De gratidão, fez-se bela,
aquela que a flor tocou.

sexta-feira, 22 de março de 2019

Vida

Por Mayanna Velame


Cena de "Crônicas de Nárnia"


Nessa epopeia
de viver,
somos todos
personagens inacabados.

quinta-feira, 21 de março de 2019

Esboços da vida

Por Nana Yamada




No meio das linhas que foram cruzadas
Durante partidas e recomeços,
Tento achar a linha do horizonte
Que me leva para o infinito
Do encontro dos seus abraços
Nesse esboço da vida
Te registro em momentos
Que eu ainda não vivi...

quarta-feira, 20 de março de 2019

De leite

Por Fabio Ramos




VISÃO:


até
um cego
vira


o pescoço


ao
enxergar
a mulher mistério


(...)


AUDIÇÃO:


aquela
voz


em tom


de
sigilo


é como feitiço


em
teus
ouvidos


(...)


TATO:


os
braços


que a seguram


pela
cintura


(...)


OLFATO:


junto
com


esse perfume


que
exala
do atrito


(...)


PALADAR:


e cai
de
boca
no manjar


repetindo a iguaria


até
se
lambuzar

terça-feira, 19 de março de 2019

Futebol

Por Denise Fernandes




suam as camisas

dois times-enigmas

sob a chuva torrencial

preferiam o céu estrelado

a todo esse sal

mas o mistério atrai mais

que o cansaço da carne



trocam as camisas

dois seres rivais

sob a vaia da torcida

quem entenderia o amor

os pés que chutaram lama

ardem do suor nos olhos

essas lágrimas não são tristes.

segunda-feira, 18 de março de 2019

interpretação de sonho ..

Por Ana Paula Perissé




                                          têm dias
                                          que o futuro
                                          sonha o mundo
                                          como o menino
                                          de todas as guerras


                                          e entre o morto
                                          e o ideal
                                          não há face
                                          que desvele mais
                                          do que o simples
                                          existir-mos
                                          .
                                          à procura de sermos


                                          1´sonho
                                          ou a utopia esquecida
                                          é o insuficiente do excesso
                                          em brutal aparição
                                          desconhecida


                                          coxia de zumbis
                                          .
                                          .
                                          açucarados.


                                          Desacordem!